106.7 FM - A Sertaneja de Verdade! | Ribeirão Preto/SP
Daerp – Fiscais encontram ‘gato’ na Ribeirânia

A fiscalização do Departa­mento de Água e Esgotos de Ribeirão Preto (Daerp) encon­trou uma ligação clandestina, o chamado “gato”, em um imó­vel na Ribeirânia, bairro nobre na Zona Leste da cidade. O flagrante ocorreu nesta quinta-feira, 11 de julho. O proprie­tário foi autuado por fraude e terá de pagar uma multa de R$ 3.979,50.

O “gato” foi encontrado de­pois de uma denúncia recebida pelos fiscais. Quando a fiscali­zação chegou ao local, encon­trou uma ligação clandestina que passava por baixo do reló­gio. Mas o que mais chamou a atenção foi o local onde estava instalado o registro que con­trolava a entrada de água da gambiarra: dentro de uma lu­minária próxima ao local onde está instalado o hidrômetro.

O proprietário do imóvel recebeu uma autuação no va­lor de R$ 3.979,50 por fraude e foi notificado para que altere a instalação do hidrômetro, que é antiga, para o novo padrão, em que o aparelho é instalado em uma caixa do lado de fora da residência. O Departamen­to de Água e ESGOTOS tam­bém cobrará a diferença de consumo do imóvel dos últi­mos 60 meses – cinco anos.

City Ribeirão 
Na semana passada, a fisca­lização do Daerp também au­tuou por fraude um imóvel no bairro City Ribeirão, na mes­ma região. No local, o proprie­tário tinha feito uma ligação clandestina para que a água entrasse na residência sem passar pelo relógio. O dono da casa também terá de pagar multa de R$ 3.979,50 e será co­brada a diferença de consumo dos últimos 60 meses.

Fiscalização 
No primeiro semestre deste ano, de janeiro a junho, a fis­calização do Daerp emitiu 406 autuações por fraudes e ligações clandestinas. Deste total, o nú­mero de “gatos” foi de 81, um aumento de 35% em relação ao mesmo período do ano passado, quando foram encontradas 60 ligações clandestinas, 21 a mais.

Para o diretor Comercial e Financeiro do Daerp, Marcus Vinicius Berzoti, este aumen­to no número de encontro de ligações clandestinas é fruto do trabalho da fiscalização do Daerp. Desde o início do ano, segundo ele, estão sendo rea­lizados mutirões em todos os bairros da cidade para localizar as fraudes.

Os fiscais do Daerp já en­contraram todo tipo de pro­blema em residências, lava-jatos, chácaras, churrascarias, restaurantes e postos de com­bustíveis. Em 12 de junho, o setor de fiscalização localizou um “super ímã” no hidrômetro de uma churrascaria na Zona Sul da cidade.

Em 2018, o número de au­tos emitidos pelo setor de fis­calização teve um acréscimo de 21,46%, ou 228 a mais – foram realizadas 1.290 autuações, con­tra 1.062 em 2017, envolvendo todo tipo de fraude em ligações de água na cidade, como os “gatos” (clandestina), fraude no hidrômetro e fornecimento ir­regular de água para terceiros.

No ano passado, foram fla­grados 209 “gatos” – média de 17 por mês. A autarquia tem, atualmente, 199.700 ligações de água. Os estabelecimentos foram autuados em 150 Uni­dades Fiscais do Estado de São Paulo (Ufesps, cada uma vale R$ 26,53 neste ano, o equivalente a R$ 3.979,50) e também terão de pagar a diferença de consumo dos últimos 60 meses.

A população pode cola­borar denunciando através do telefone 115, sempre que desconfiar de alguma irregu­laridade. O Daerp também iniciou um trabalho de fisca­lização nos residenciais com o objetivo de impedir que se­jam feitas ligações clandesti­nas, principalmente durante a construção dos imóveis.

Carregando os comentários...
Tarde Sertaneja 106FM com Micael Junior
João Gustavo e Murilo - Lençol Dobrado
Carregando... - Carregando...