106.7 FM - A Sertaneja de Verdade!
AQUILES FAREJA 56 QUILOS DE DROGA

A equipe do Canil da Polícia Mili­tar prendeu um homem de 21 anos e apreendeu 56 quilos de maconha no último final de semana, no bairro Ipiranga, Zona Norte de Ribeirão Pre­to. A corporação recebeu a denúncia anônima de que o jovem estaria tra­ficando em uma residência na rua Maranhão e foi checar. Ao chegar ao local, o próprio suspeito avisou que guardava a droga em casa, mas que não revendia o entorpecente.

Com a ajuda do cão Aquiles, o cabo Cazarotte e o soldado Belarmi­no encontraram, em um dos cômo­dos do imóvel, sacos com os tijolos de maconha, pesando 56 quilos no total. O morador foi preso em fla­grante. O cachorro da raça springer já foi homenageado por causa de seu faro infalível. Ele já localizou mais de 800 quilos de drogas em dois anos de atuação.

Ainda no último sábado, 2 de de­zembro, duas operações da Guarda Civil Municipal resultaram em su­cesso no combate à criminalidade. De manhã, em abordagem na pra­ça Francisco Schmidt, no Centro de Ribeirão Preto, após revista pesso­al no suspeito David Fernando Fer­nandes, nada foi encontrado. Mas após pesquisa via Sinesp, foi acu­sado um mandado de prisão pelo artigo 157 (roubo). Ele foi conduzi­do até a Central de Polícia Judiciária e confirmado o pedido de captura após constatar que Fernandes era foragido da Justiça.

À tarde, em outra ocorrência, após receber denúncia de que um indivíduo alto, trajando calça jeans, camisa branca, com um moletom de time de futebol amarrado na cintura e óculos de sol, estaria trafi­cando drogas na Praça das Bandei­ras, também no Centro, a viatura da GCM se deslocou imediatamente ao local e encontrou um homem com as características informadas, em companhia de mais duas pessoas.

Com ele havia uma porção de maconha e a quantia de R$ 415 em cédulas e moedas. Com os outros dois não foi encontrado nada de ilíci­to e os mesmos foram dispensados. ”Empregamos o cão farejador Índio no local e na raiz de uma árvore, junto a algumas folhas secas, ele indicou algo. Averiguamos e loca­lizamos 27 ‘trouxas’ de maconha, idênticas às que ele portava e 5 pinos de cocaína em uma sacola plástica”, explica a superintendente Mônica da Costa Nociolli.

Após o trabalho de investiga­ção e pesquisa, foi constatado que M.L.C.R.S. completou a maioridade em fevereiro deste ano e já teve três passagens quando menor, por trá­fico de drogas. Diante dos fatos, o rapaz de 18 anos foi conduzido, jun­tamente com as drogas e o dinheiro apreendidos à autoridade de plan­tão. Essa ocorrência contou com o apoio da VTR 613, com os GCMs Ca­valcante e Adilson e da ROCAM, CB PM Stresser, CB PM Sérgio, SD PM Custódio e SD PM Salgado.

Cão Índio – O cão Índio tem sido mais uma arma da GCM no combate ao tráfico de drogas em Ribeirão Pre­to. O cachorro da raça pastor belga malinois, de dois anos, é um dos três cães usados nas operações pelo Ca­nil da GCM. A especialidade do ani­mal é a detecção de entorpecentes.

Carregando os comentários...
Programação 106 com Alexandre Tardivo
-
Carregando... - Carregando...